Saquarema sediou o Primeiro Festival Internacional de Yôga apenas para Instrutores no último fim-de-semana

Nos últimos dois anos a grande cidade do Rio de Janeiro recebia, no mês de novembro, instrutores e praticantes de SwáSthya Yôga para participarem do Festival Internacional de Yôga. Entretanto, por seis anos o mesmo evento era realizado na cidade de Saquarema, bem próxima ao RJ. 

Pensando em como Saquarema era mais acolhedor, a organização quis fazer diferente: um Festival apenas para Instrutores.

E foi neste último fim-de-semana que profissionais do SwáSthya Yôga de todo o mundo vieram prestigiar o evento, que teve início na sexta-feira (28/10) e durante toda a sua duração contou com diversos grandes acontecimentos, que tornaram este encontro e evento um grande marco nas nossas vidas.

A Unidade da Professora Rosângela de Castro, que caminha ao lado do Mestre DeRose há quase 40 anos, teve em suas duas salas de práticas, sádhanas avançados ministrados pelos grandes Mestres da nossa Rede: Mestre Carlos Cardoso, Mestre Sérgio Santos e Mestre Edgardo Caramella, mais Professores renomados do Método, que abrilhantaram os três dias de Festival. 

Na noite de sábado tivemos as apresentações das coreografias dos instrutores Arthur Costi e Camila Barcellos, que deram um show de demonstração e domínio das nossas técnicas corporais. Em seguida, o Mestre DeRose recebeu diversas homenagens já em comemoração aos seus 50 anos de magistério no Yôga.

Tivemos o instrutor Heduan Pinheiro tocando no violino o hino da Uni-Yôga. Em seguida, a instrutora Júlia Calderoni cantando uma lindíssima canção francesa, oferecida especialmente ao Mestre e depois, a Presidente da Federação de Yôga de São Paulo, Nina de Holanda, oferecendo um bolo com as velas de 100 anos para nosso Mestre apagar. Comemorando os 50 que ele já tem, mais os outros 50 que desejamos a ele ao nosso lado! Toda a apresentação foi emocionante. Muitos olhinhos brilhando em lágrimas puderam ser vistos naquele momento, inclusive os meus.

Para encerrar, o Prof. Mallet, já conhecido por seu tom gozador, fechou a “cerimônia” com o Mantra da Kundaliní, que ele mesmo criou no primeiro ano de Festival em Saquarema. Foi o momento para coroar a noite e colocar todos com o sorrisão no rosto para se unirem e continuarem curtindo o resto do evento!

Sem dúvida, este foi o primeiro de muitos outros Festivais para Instrutores em Saquarema e, claro, começou muito bem!

 Cherrine Cardoso / YôgaPress

 

 

Confira algumas fotos:

 

 

 

 

Fotos tiradas por Flávio Moreira / YôgaPress

Published in: on 3 de dezembro de 2008 at 19:54  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://yogapress.wordpress.com/2008/12/03/fest-yoga-rio-de-janeiro-2008/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: